Mobilização marca plenária do deputado Pepe Vargas

Encontro em Caxias do Sul reuniu apoiadores e militantes de diversas regiões do Estado

Fotos: Claiton Stumpf

O auditório do Sindicato dos Bancários de Caxias do Sul serviu de palco para a plenária do mandato de deputado federal Pepe Vargas (PT-RS), na tarde do último sábado (14). Cerca de 200 militantes e apoiadores de diversos municípios do Estado participaram da atividade, que contou ainda a presença do pré-candidato ao governo do Estado pelo PT, Miguel Rossetto, do deputado federal Elvino Bohn Gass, do vereador de Caxias do Sul, Rodrigo Beltrão e de vereadores e presidentes de diretórios municipais do PT, entre outras lideranças.

Além de falar sobre o trabalho na Câmara dos Deputados, Pepe avaliou a conjuntura nacional, falou sobre o processo de prisão arbitrária e ilegal de Lula e convocou a militância para que estejam unidos na luta pela democracia. Recordando o discurso feito pelo ex-presidente no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, Pepe reafirmou a importância da unidade para a resistência neste momento difícil. “Lula disse que no dia em que não o deixarem falar, falará pela boca de vocês. Quando não puder mais adar, andará com as pernas de vocês. Se seu coração parar de bater, baterá pelo coração de vocês”, afirmou, emocionado.

Pepe, que também é presidente estadual do PT, destacou que apesar da perseguição, o partido vive um momento de fortalecimento. “Mesmo preso, Lula continua na frente em todas as pesquisas de intenção de voto e agora saiu uma que mostra também que a população tem a percepção de que a prisão de Lula sem provas foi para retirá-lo da eleição. E uma outra boa notícia é que Rossetto aparece em primeiro lugar em pesquisa realizada no Estado”, afirmou, aplaudido pelo plenário

Relacionados