Pesquisar
Close this search box.

Pepe cobra responsabilidade do Estado sobre a crise da saúde

Pepe Vargas

Pepe Vargas

Qual a responsabilidade do Estado diante da crise na saúde? Esta foi a
cobrança do deputado Pepe Vargas, na reunião da Comissão de Saúde e Meio
Ambiente da Assembleia Legislativa. Na reunião desta quarta-feira (3), o
parlamentar disse que a crise vivida pelos hospitais de Alvorada, Cachoeirinha
e Tramandaí foi anunciada várias vezes, “ Nós avisamos aqui nesta comissão
diversas vezes, alertamos, em audiências em visitas a hospitais, ouvindo quem
de fato estava vivendo a realidade, o Governo não sabia? ”.

Para o deputado tudo o que está acontecendo nos hospitais é o resultado do
Programa Assistir, criado e implementado pelo governo Leite, que decidiu tirar
recursos de vários outros hospitais importantes, principalmente da Região
Metropolitana, o que deixou estas instituições em uma situação muito difícil, “
O que está acontecendo hoje é que a crise está aparecendo. Estas decisões que
reduziram recursos trouxeram prejuízos, nós avisamos que isso aconteceria. O
governo tem ou não tem responsabilidade sobre isso? ”, indagou.

Pepe disse ainda que ao tomar a decisão de repassar a gestão para outras
instituições, o estado também deveria ter em conta que havia rescisões
trabalhistas para fazer. “Como é que o estado, a equipe da secretaria da saúde
faz um processo desse e não provisiona os recursos. Eles não sabiam disso? É
evidente que o estado é devedor solidário porque o hospital é estadual e se ele
repassou a gestão a terceiros, ele tem responsabilidade não só para com os
serviços de atenção à saúde da população, mas também para com os direitos
trabalhistas dos trabalhadores que estão lá”.

Pepe lembrou ainda que já foram realizadas diversas audiências públicas e a
Secretaria da Saúde não se responsabiliza por nada. “Precisamos que o
Ministério Público tome medidas. Não é possível que o Ministério Público
assista parado a uma situação como essa e que nada faça. Fazer audiência a
gente faz a todo momento, a gente fala, a gente diz, nada adianta. A equipe da
Secretaria vem aqui e sempre tem a razão. O que que eles têm a dizer dessa
crise agora? Com a palavra a secretária e sua equipe”, disparou.

 

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp

Notícias Relacionadas