Pesquisar
Close this search box.

Pepe participa de reunião com ministros no RS para tratar sobre ações do Governo Federal

Pepe Vargas

Pepe Vargas

A reunião aconteceu nesta quarta-feira(29) em Porto Alegre, na Secretaria Extraordinária para Apoio à Reconstrução do Rio Grande do Sul.

A reunião dos ministros teve a presença do governador do Estado, e prefeitos da região metropolitana. Na comitiva ministerial estavam os ministros Rui Costa (Casa Civil), Paulo Pimenta (Secretaria Extraordinária), Jader Filho (Cidades), Nísia Trindade (Saúde), Waldez Góes (Integração), Paulo Teixeira (Desenvolvimento Agrário). Deputados estaduais e federais do PT, também participaram do encontro que tratou sobre as ações emergenciais e dos cuidados com as pessoas.

O ministro Rui Costa destacou a ampliação do alcance do Bolsa Família, liberação do saque calamidade do FGTS e extensão do seguro-desemprego e criação do auxílio reconstrução de R$ 5.100 para os gaúchos cadastrados pelas prefeituras. Ele também citou medidas de apoio a empresas e agricultores, de suporte ao governo do estado e de ajuda aos municípios. O ministro falou também das medidas institucionais e decisões voltadas para desburocratizar e dar agilidade às ações.

Rui Costa destacou que já está em curso a aquisição de um primeiro lote de habitações que conta com cerca de 2 mil imóveis já prontos, “todos municípios serão contemplados ao mesmo tempo, as moradias são oriundas de duas modalidades adotadas pela União: a aquisição de imóveis desocupados que estavam para leilão na Caixa Federal, Banco do Brasil e demais bancos privados; e a compra de imóveis prontos de construtoras. Com a aquisição de imóveis já construídos, o governo pretende acelerar o processo habitação de famílias desabrigadas”, concluiu

Para o deputado Pepe Vargas o dia foi marcado pela produtividade e agilidade na busca de soluções por parte do governo Federal, “ todos os ministros apontaram ações importantes que já estão acontecendo no Rio Grande do Sul, na saúde o anúncio da liberação de recursos para hospitais e construção de unidades básicas, na agricultura os créditos para agricultores familiares que precisam recompor a produção perdida, e as várias formas com as quais o governo federal pretende dar apoio para que ninguém fique sem moradia, seja pelo programa Minha Casa Minha Vida, ou agora com a aquisição de imóveis adquiridos pelo Governo Federal e que iriam a leilão e que depois de vistoriados, ficarão à disposição das famílias mais atingidas para que ninguém fique sem moradia”, concluiu.  

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp

Notícias Relacionadas